Marca da Anpcont Marca da Anpcont
03 a 06 de junho de 2017
Belo Horizonte - MG

Submissão

Apresentação

O Consórcio Doutoral e Mestral da ANPCONT compreende uma sistemática de mesa redonda para discussão de projetos de tese de doutorado e dissertação de mestrado de alunos de PPGCCs, com o objetivo de contribuir em geral para a pesquisa na área contábil e em particular para a qualidade das teses e dissertações a serem defendidas.

O Consórcio Doutoral e Mestral da ANPCONT é uma atividade associada ao Congresso ANPCONT e, a partir e 2017, ocorre durante o Congresso.

A proposta resumida dos projetos de tese e de dissertação de alunos de PPGCCs deve ser submetida no ambiente virtual do Congresso ANPCONT.

Instruções aos autores

A proposta resumida do projeto de tese ou de dissertação é um documento objetivo, um ponto de partida bem estruturado, contendo registro de ideias e fundamentações para desenvolvimento do trabalho. Os principais elementos da proposta constituem a base para avanço da pesquisa.

A proposta a ser submetida para o Consórcio Doutoral e Mestral da ANPCONT deve ter no máximo cinco páginas, com espaço sim- ples, margens (esquerda e superior = 3 cm e direita e inferior = 2 cm) e fonte Times News Roman de 12 pontos, em arquivo PDF.

A palavra de ordem neste caso é objetividade no registro da intenção da pesquisa.

Os itens ao lado devem estar presentes no documento.

Título do trabalho (todas as letras maiúsculas) centralizado, negrito e fonte 12 Times New Roman Deixe uma linha em branco e insira (somente as primeiras letras em maiúsculo) em negrito, centralizado e em fonte 12 (cada informação em uma linha):

  • Nome do autor e separado por hífen o e-mail.
  • Nome do orientador e separado por hífen o e-mail.
  • Nome do Programa.
  • Instituição de Ensino superior do Programa.

Deixe uma linha em branco e registre a área temática do evento. Deixe uma linha em branco e registre o texto:

  • Problema, Objetivos e Questão de pesquisa;
  • Relevância do estudo;
  • Limitações e delimitações do estudo;
  • Fundamentação teórica (literatura essencial);
  • Método;
  • Contribuição e impacto esperado;
  • Principais referências;

Principais diretrizes para referências

Livros:

Horngren, C. T.; Foster, G.; & Datar, S. (2000). Contabilidade de custos. (9. ed.) Rio de Janeiro: LTC. Capítulos de livros: Guerreiro, R. (1999). Mensuração do resultado econômico. In: A. Catelli (Coord.). Controladoria: uma abordagem da gestão econômica – GECON. (pp. 81-102). São Paulo: Atlas.

Artigos de periódicos:

Libonati, J. J.; & Miranda, L. C. (2004). Medidas utilizadas na aval- iação do desempenho da área de suprimentos: um estudo ex- ploratório. UnB Contábil, 7(1), p. 85-104. Oyadomari, J. C. T., Aguiar, A. B., Yen-tsang, C., Cardoso, R. L., & Lima, R. G. D. (2014). Associações entre informações, desempen- ho da controladoria, desempenho gerencial e organizacional: um estudo exploratório. Revista de Educação e Pesquisa em Contabili- dade, 8(3), pp. 309-325.

Artigo on line (retirado da internet):

Silva, L. M. (2012). Contabilidade pública: reflexões sobre a gover- nança pública. Revista Abracicon Saber. 1(1), pp. 15-19. Recupera- do em 7 dezembro, 2014, de http://www.abracicon.org/index.php/- publicacoes/revista-abracicon-saber/item/revista.

Trabalhos de anais:

Carastan, J. T. (1999). Custo meta e custo padrão como instrumen- tos do planejamento empresarial para obter vantagem competitiva. Anais do Congresso Brasileiro de Custos, São Leopoldo, RS, Brasil, 6.

Dissertações e teses:

Lima, A. L. A. (2000). Análise das congruências com vistas à har- monização das formas de contabilização de derivativos entre Brasil e Argentina. Dissertação de Mestrado em Administração, Universi- dade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, SC, Brasil.